15 de outubro de 2006

Gabriela Mistral

O Chile é muito conhecido pela sua cultura literária, isso se demonstra em dois grandes nomes da poesia: Pablo Neruda e Gabriela Mistral, ambos ganhadores do Prêmio Nobel de Literatura.
Gabriela Mistral é o pseudomino da autora Lucila de Maria Del Perpetuo Socorro Godoy Alcayaga.
Nasceu em Vicuña, Chile, em 1889.
Seus poemas retratam o amor, amor maternal, memórias pessoais dolorosas, mágoa e recuperação de algum sofrimento intenso, além de sempre demonstrar o seu carinho pela humanidade.

Suas obras principais:
Sonetos de La Muerte
Desolación
Lecturas para Mujeres
Tala
Pezinhos de criança
azulados de frio
Como os vêem e não os cobrem,
Deus meu!

Pezinhos feridos
pelas pedras todas,
ultrajados de neves
e lodos!

O homem cego ignora
que por onde passais,
uma flor de luz viva
deixais;

Que ali, onde colocais
a plantinha sangrante,
o narco nasce mais
perfumado.

Sede, posto que marchais
pelos caminhos retos,
heroicos como sois
perfeitos.

Pezinhos de criança,
duas joinhas sofridas,
como passam sem ver
as pessoas!
Gabriela Mistral
(1889 - 1957)

Nenhum comentário: