3 de outubro de 2011

Um Motivo Para Viver - Eliana Machado Coelho


"É uma doadora incondicional. Diante do quadro que se apresenta, sua porta voz do pedido de doação de seus orgãos. Muitos podem continuar vivendo com a decisão de vocês - Após pequena pausa, o médico perguntou com a voz meiga entendendo a dor que todos sentiam naquele momento: - A família autoriza a doação?"

O que fazer diante desta situação? No que baseamos para tomar tal decisão? Quais as consequências? É certo? É errado doar os orgãos? O que nos diz a espiritualidade?

Filhos adotivos? Qual a diferença entre os filhos naturais e filhos adotivos? Essas diferenças se encontram nos filhos ou nos pais? Existe filho adotivo? Afinal, o que significa ser, ou ter, um filho adotivo?

Abandono de um filho, violência à mulher, filhos adotivos, doações de orgãos.....são estas e muitas outras situações que Schellida, psicografada por Eliana Machado Coelho,  mais uma vez, nos mostra numa história empolgante, repleta de emoções, ensinamentos e conflitos interiores, nos fazendo refletir e irmos à procura de um motivo para viver. E sempre o há!

Por Mirlei Saes

3 comentários:

ROBERTA disse...

Esse é o livro mais bonito que já li,emociona e até nos faz ficar apaixonados pelos personagens!é simplesmente maravilhoso...

Anônimo disse...

História muito extensa, sem necessidade, e sem muito peso em relação à doutrina - o que, aliás, além de superficial, é confusa.

Mariana disse...

O primeiro romance espírita que li, há mais de 10 anos atrás.
Fiquei apaixonada pela história, comovida pelos personagens e o enredo, e foi a porta de entrada para a leitura de outros romances espíritas e estudo da Doutrina Espírita.
Ótimo livro, recomendo!